Ninguém fala sobre ela, mas é frequente na maioria da população!!! Ainda existem um tabu quando o assunto é: HEMORRÓIDA!!

Vamos então esclarecer alguns pontos sobre o assunto:

As hemorróidas são veias dilatadas na região anal que fazem parte da anatomia normal de todos nós, porém quando manifestam sintomas chamamos de doença hemorroidária. 

Existem dois tipos de hemorroidas: internas e externas, de acordo com a posição. As hemorroidas externas se formam no canal anal e região externa, sendo recobertas por uma pele bem sensível. Ao contrário, as internas estão na parte bem interna do ânus e são recobertas pela mucosa intestinal.

Sintomas

Os sintomas mais comuns ocorrem durante a defecação: dor, sangramento e prolapso, que é quando a hemorróida "sai para fora" após o esforço de defecação ou outros tipos de esforço.O sangramento, na maioria das vezes é vermelho-vivo e pode ser visto no papel higiênico ou até mesmo pingar no vaso. Seu grau de intensidade pode ser variável.O prolapso pode voltar sozinho para dentro ou então é preciso empurrá-lo.Uma inchaço local após defecar pode gerar uma sensação de inflamação, produzindo apenas desconforto ou dor intensa. A coceira (prurido) ao redor do ânus é também um sintoma comum.

Mulheres grávidas desenvolvem sintomas com freqüência ao final da gestação e que acabam melhorando após a gravidez. Contudo, podem continuar apresentando problemas crônicos e devem procurar cuidados médicos.

Qual é a causa?

A dificuldade no momento da evacuação por fezes ressecadas, uso crônico de laxantes, longos períodos sentado no banheiro, gravidez, além de rotinas profissionais ou esportivas, podem aumentar a pressão dentro das veias, o que as leva a dilatar. A hereditariedade (herança genética) também é reconhecida como um fator importante para o desenvolvimento de hemorroidas.

Hemorroidas podem causar câncer?

Não, entretanto metade das pessoas que procuram tratamento para hemorroidas tem sintomas ocasionados por outros problemas. Em alguns casos o câncer pode ser a causa do sangramento pelo ânus e por este motivo não é seguro acreditar que seu sangramento provém de hemorroidas sem antes consultar um especialista, por vezes são necessários exames complementares para investigar a origem dos sintomas. 

Tratamentos mais comuns

Sintomas leves normalmente são tratados através da correção dos hábitos alimentares, aumentando ingestão de água e de fibras. São boas fontes de fibras os cereais, os alimentos integrais, as frutas e os vegetais.Diminuir o esforço para evacuar é muito importante para não piorar o problema. Podem ser usadas pomadas e medicações via oral para tentativa do alívio dos sintomas.

Nos casos em que as medidas clínicas não resultam em um bom controle dos sintomas, pode ser necessário um tratamento definitivo através de procedimentos, que vão desde a ligadura elástica até a cirurgia propriamente dita.

Se você tem algum desses sintomas ou tem dúvidas em relação a hemorróidas e melhor tratamento para o seu caso, procure um médico coloproctologista!


Dra. Renata Bandini
CRM - SP: 150.000